Bialski em Foco



Defesa de Atila explica que STJ indeferiu liminar por erro de sistema e que novo pedido foi feito


Após a publicação do indeferimento de liminar  pelo STJ contra o prefeito de Mauá,  Atila Jacomussi (PSB), a defesa do chefe do executivo explicou a decisão.

De acordo com o advogado de Atila, Daniel Bialski a petição saiu embaralhada por erro digital.

A PETIÇÃO INICIAL SAIU EMBARALHADA AO SER REMETIDA VIA DIGITAL. ERRO DO SISTEMA DE RECEBIMENTO. ESTÁ SENDO REFEITO.

O advogado explicou também o motivo da liminar, segundo ele, o documento pede a suspensão do andamento do processo no Tribunal Federal da Quarta Região.

PARA SUSPENDER O ANDAMENTO DAS AÇÕES PORQUE OS FATOS SÃO DE COMPETÊNCIA ESTADUAL E NÃO FEDERAL E PARA EVITAR NOVAS ILEGALIDADES DA DELEGADA E TRF (NO CASO COGITAÇÃO DE NOVA PRISÃO POR NOVAS DENÚNCIAS QUEVIEREM A SER APRESENTADAS).

https://www.bastidorpolitico.com.br/abc/maua/defesa-de-atila-explica-que-stj-indeferiu-liminar-por-erro-de-sistema-e-que-novo-pedido-foi-feito/